1 beijo, 3 consequências para a saúde oral


Love emotion concept. Foil balloon couple lips and golden Heart on pink background. 3d rendering.

O beijo é uma das melhores demonstrações de amor e não há quem esqueça o primeiro nem quem resista aos próximos. Hoje assinala-se o Dia do Beijo e antes que todos os apaixonados se precipitem nas comemorações, a Impress, cadeia de clínicas especializadas em ortodontia invisível, revela três consequências, boas e más, de um beijo na saúde oral.

1. Risco de transmissão de doenças – começando pela consequência menos boa, é importante ter em conta que na boca residem cerca de 800 tipos de bactérias e que basta um beijo para transmitir algumas dessas bactérias. A “doença do beijinho” é uma das doenças mais conhecidas transmitidas através de um beijo, assim como cáries, doenças de gengiva, herpes e outras infeções que nos fazem repensar na hora de beijar;

2. Aumento das defesas naturais – é verdade que durante um beijo são trocadas centenas de bactérias, mas nem todas são más! Um beijo é também uma vacina e pode ajudar a aumentar as defesas naturais do organismo. Casais que estão juntos há algum tempo possuem microrganismos semelhantes e estão assim imunes ao mesmo tipo de infeções;

3. Ajuda na limpeza dos dentes – o beijo é um dos principais motivos que incentivam as pessoas a uma melhor higienização da boca de modo a garantir um melhor hálito, mas há outros benefícios associados. Um beijo estimula as glândulas salivares e, consequentemente, aumenta a salivação que se apresenta como um detergente natural da boca. Assim, um beijo permite manter a boca limpa e ajuda na limpeza dos dentes.
Dia do Beijo
Conhecidas as consequências, a Impress relembra ainda que para um beijo saudável não basta amor e paixão, mas também uma correta higienização da boca e consultas regulares ao seu dentista ou ortodontista.

A Impress é uma cadeia de clínicas especializadas exclusivamente em ortodontia invisível que tem como missão providenciar uma solução médica com recurso a alta tecnologia, a um preço mais acessível, ao possibilitar que o paciente só tenha de realizar uma única consulta presencial, podendo dar continuidade ao processo em qualquer lugar e até em casa.A evolução é monitorizada pela equipa médica através de uma aplicação móvel, para a qual o paciente tem apenas de enviar uma fotografia do seu sorriso de cada vez que troca de alinhadores, e que, recorrendo a uma tecnologia de inteligência artificial, analisa o progresso e sinaliza caso haja algum imprevisto. Apesar deste acompanhamento digital e assistência médica, 7 dias por semana, o paciente pode visitar a clínica sempre que quiser, sem custo adicional.
A Impress está presente em Espanha, Itália, Inglaterra e Portugal, sendo que ambiciona ter clínicas próprias por toda a Europa. Com sete clínicas em Portugal, mantém um ritmo acelerado de expansão no país.
Anterior Confinamento e idosos: Combater as oscilações da pressão arterial
Seguinte 5 exercícios para sentir a Aura - João Magalhães