Excluir as crenças limitantes – Acreditar positivamente


Young and happy woman in yellow glasses with a pile of pineapples on the local Thai market

É preciso limpar os pensamentos menos bons, trabalhar as emoções negativas, desconstruir para poder construir… Só podemos fazer movimentos em direção à vida e à construção, movimentos em direção a nós mesmos, quando aos poucos vamos desconstruindo as crenças negativas e limitantes que adquirimos ao longo da nossa jornada.

——————————————————

 

Quantas vezes os pensamentos negativos estão presentes em si? Quantas vezes é dominado por tristeza, medo, raiva, culpa, zanga? Quantas vezes acredita que não será capaz de fazer ou dizer algo? Quantas vezes o medo de seguir, de que algo dê errado, faz com que fique parado perante um contexto? Quantas vezes deixa de fazer ou realizar algo devido à crítica(s) de outra pessoa? Quantas vezes deixa de acreditar em si, devido ao comentário(s) menos bom (bons) de alguém? Se isto acontece com frequência, convido-o a realizar uma desconstrução de tudo o que possa estar a limitar a sua travessia no grande caminho da existência humana.

A vida é um grande e contínuo movimento a favor do crescimento, da realização, da construção. Não conseguimos sentir todo este movimento benéfico para nós quando estamos presos a limitações que, por algum motivo ou por circunstâncias da vida, construímos ao longo da nossa trajetória terrena. Portanto, independentemente do que possa ter acontecido na sua vida, sugiro que trabalhe estas emoções. Se não conseguir fazê-lo sozinho, procure ajuda. Não deixe de as trabalhar, pois quando desconstruímos este arsenal de pensamentos negativos e de crenças limitantes que nos impedem de acreditar em nós mesmos, abrimos a mente para o nosso potencial de construção. A criatividade vem e as estratégias nascem, e sem darmos conta estamos em movimentos sincronizados com tudo o que a vida oferece para construir, fazer, realizar. Os resultados não podem ser diferentes de uma grande oportunidade de se sentir em plenitude.

 

Como fazer a desconstrução?

 

Como alterar as crenças que estão comigo há anos? O que fazer para deixar de ter pensamentos negativos?  Sugiro que faça uma análise processual. O primeiro passo é analisar conscientemente as emoções. Parar, refletir e pensar quais são as emoções menos boas que estão por detrás destas crenças, destes medos e desta programação. Ou seja, irá trazer estas emoções à luz da consciência. Depois, tente descobrir e analisar a sua origem. Será que, em criança, os seus pais fizeram com que adquirisse esses medos, essas crenças limitantes, nas suas tentativas de acertar ou ao seguirem o modelo que os seus próprios pais aplicaram? De seguida, tente mensurar quais são as crenças que podem estar a impedi-lo de realizar ou construir algo. Tente perceber se estes medos têm fundamento ou se apenas são fruto de algo que aconteceu no passado ou de algo imposto, que foi, consequentemente, assumido por si como verdade. Faça uma lista das suas crenças limitantes e perceba quais são as responsabilidades que elas exercem sobre a não construção, a não realização, nos diferentes contextos da sua vida.

A partir deste pressuposto, com base em toda esta identificação, sugira a si mesmo o contrário. Por exemplo, se por algum motivo relacionado com a sua infância se sente inseguro, incapaz ou com medo de falhar, repita para si próprio: “Sinto-me seguro, sou capaz, tudo posso, vou conseguir”. Recorde que o cérebro é plástico e que possui uma elevada capacidade de assimilar as sugestões. Portanto, utilize-as a seu favor para construir, e não para destruir. Sugira sempre algo positivo. Evite sugerir algo negativo ou repetir crenças e pensamentos negativos, como: “Sou incapaz, não vou conseguir, vou falhar”. Mesmo que a crença limitante seja negativa e que não acredite no que está a sugerir de positivo é importante que faça as sugestões positivas continuamente. São elas que vão desconstruir o que é negativo e prepará-lo para ter iniciativa, dar os primeiros passos rumo à realização. Todas as construções precisam de um alicerce seguro e, no que concerne à psique humana, só pode ser seguro, estruturado e enraizado, o que está alicerçado em cima do que é positivo, de uma profunda crença em si mesmo, nas suas capacidades, na sua profundidade, e, acima de tudo, na capacidade que cada um de nós temos, independentemente de onde estamos e de quem somos, de criar, de construir, de reprogramar…

 

Somos uma grande máquina em movimento e o próprio movimento da vida está programado para seguir em sincronia com os movimentos que construímos a nosso favor; a favor do crescimento, da expansão, da criação, da construção. No entanto, para isso acontecer temos de acreditar positivamente na grande capacidade que temos.

Anterior Mensagens de Amor - Terapia dos Anjos
Seguinte “A arte é algo pessoal, algo que está na cabeça e passa para a peça através das mãos. “