Gerir o stress: Desacelerar o coração em 5 passos


Tâmara Castelo partilha, em O Poder dos Rituais (editora Planeta), pequenos hábitos que conduzem a grandes mudanças para o nosso bem-estar e saúde. Experimente!

É importante compreender que um organismo em estado de stress está em situação de imunossupressão. O stress agudo e repetido pode conduzir a desequilíbrios na imunidade e em toda a dinâmica interna do organismo, causando mudanças metabólicas e emocionais graves, que normalmente dão origem ao desequilíbrio e à doença.

Deixo aqui as principais doenças relacionadas com o stress:

 

  • Doenças cardiovasculares
  • Alzheimer
  • Síndrome do burnout
  • Diabetes
  • Asma
  • Obesidade
  • Insónia
  • Depressão e ansiedade
  • Doenças gastrointestinais
  • Envelhecimento precoce

 

Como diminuir o stress em 5 passos?

 

Passo 1. Identificar os stressores.

Podem ser stressores ativos ou passivos. Por exemplo, faça as seguintes perguntas a si mesmo:

– O que está a stressar-me hoje?

– O que está a stressar-me neste momento?

Escreva as suas respostas.

Passo 2. Listagem dos stressores que podemos alterar desde já.

 – O que é que posso mudar agora?

– Se responder a este e-mail, o meu stress torna-se mais leve?

– Se fizer esta chamada, sai-me um peso de cima?

Escolha o custo-benefício: qual a tarefa que pode fazer que lhe tira o maior peso de cima, que liberta o maior stress, que com menos custo lhe traz o maior benefício?

 

Passo 3. Regular horários de sono, de alimentação, de momentos sem fazer nada.

Durma, não salte refeições, beba água e compre uma ampulheta. Tenha uma ampulheta na secretária. Pode ser de 10 minutos. de 10 em 10 minutos, faça uma pausa: beba água, levante-se, mexa o corpo, respire e volte à carga.

Passo 4. Respirar 4 vezes por dia durante 2 minutos.

Pare para respirar. Pare tudo, feche os olhos, inspire, expire de forma consciente. Sim, o ar a entrar, a preencher os seus pulmões e a sair. Não deixe o stress acumular-se. É um sentimento cumulativo, e se não o vai libertando, ele afoga-o.

Passo 5. Alongar o pescoço.

O pescoço e a face são duas zonas onde o stress se aloja e pentra ao longo do dia. Lembre-se dessas zonas e, mais uma vez, não deixe que se acumule, solte-o.

  • Repita estes passos pelo menos duas vezes por dia.

O poder dos Rituais - Tâmara Castelo

Castelo, Tâmara (2021) O Poder dos Rituais. Planeta

Tâmara Castelo | Instagram

Artigo originalmente publicado na revista Vida & Saúde Natural, nº 33.
Anterior Retenção de líquidos: o que pode comer e o que deve evitar
Seguinte Estará o sorriso pronto para a rentrée?

Nenhum Comentário

Deixar um Comentário